As Feiras de Feira de Santana

Contratação sem licitação

Prefeitura contrata empresa sem licitação por quase R$ 16 milhões

A Prefeitura Municipal de Feira de Santana contratou a IMAP (Associação de Proteção à Maternidade e à Infância de Mutuípe), para prestar serviços profissionais na área de saúde para atender as unidades da rede própria do município. Dispensa de licitação A  IMAP foi contratada de forma emergencial por R$ 15.950.673,16 (quinze milhões, novecentos e cinquenta mil, seiscentos e setenta e três reais e dezesseis centavos). A assinatura do contrato ocorreu no dia 29 de agosto e seu extrato foi publicado no Diário Oficial Eletrônico do Município nesta quinta-feira, 12. Justiça determinou a contratação de concursados Em janeiro de 2019, o

3 Peças de Teatro em setembro

3 peças teatrais imperdíveis que estarão em Feira em setembro

A cena teatral em Feira de Santana é intensa e fértil, com a produção de muitos espetáculos de repercussão e visibilidade nacional, além da recepção de peças de outras partes do país que encontram na cidade acolhimento para suas apresentações. Só para tomar um exemplo, em Feira ocorre um dos maiores festivais de teatro infantil do Brasil – o FENATIFS, que já está organizando sua 12ª edição para 2019. Nesse mês de setembro de 2019, o feirense terá a oportunidade de preencher sua programação com três espetáculos de muita qualidade, abordando a vida de figuras de relevância histórica: a pintora

Augusto Aras e Feira de Santana

A relação do Procurador de Bolsonaro com Feira de Santana

Quem acompanha o noticiário político nacional tem visto o debate em torno da indicação de Antônio Augusto Brandão de Aras para o cargo de Procurador Geral da República, feita pelo presidente Jair Bolsonaro. O que poucos feirenses sabem, entretanto, é que Augusto Aras tem íntima relação com Feira de Santana. Augusto é filho do ex-vereador Roque Aras, que exerceu o mandato na Câmara Municipal feirense entre 1971 e 1975 pelo MDB – partido que fazia oposição ao Regime Militar à época. Roque Aras foi também Deputado Estadual (1975-1979) e Deputado Federal (1979-1983). De acordo com o jornalista Dimas Oliveira, Augusto

Podcast para quem merece

O irreverente “Podcast para quem merece”

É crescente a quantidade de pessoas que consome conteúdo em áudio, no Brasil e no exterior. Dos áudiolivros aos podcasts, muitos usuários aproveitam os momentos de ócio em filas, no transporte ou mesmo nas tarefas domésticas para ouvir notícias, debates, aulas etc. A Rede Globo, por exemplo, percebeu a tendência, e lançou recentemente vários podcasts para sua audiência. Um podcast é como se fosse um programa de rádio, mas não é: em vez de ter uma hora certa para ir ao ar, pode ser ouvido quando e onde o usuário quiser. E em vez de sintonizar numa estação de rádio,

Escola Municipal Maria Andiara Silva Souza

A (falta de) estrutura de uma escola em Jaguara

A diretora da APLB/Feira, professora Marlede Oliveira, visitou na última quarta-feira (4), a Escola Municipal Maria Andiara Silva Souza que fica localizada no Povoado da Barra no Distrito de Jaguara. Na escola foi constatado que: A Escola funciona com apenas duas salas de aula e uma professora para lecionar Infantil, 1° ano, 2° ano, 3° ano, 4º ano e o 5° ano; A professora não tem Reserva de 1/3 da Carga Horária; A Escola não tem Internet nem Coordenador Pedagógico. Metas do IDEB Desde 2011, Feira não atinge as metas do Ideb para os anos iniciais do Ensino Fundamental. O

Repelente caseiro contra dengue, zika e chikungunya

Recentemente, o Feirenses trouxe um artigo sobre as diferenças entre a Dengue, a Zika e a Chikungunya e como a cidade está acometida por esses males. Apesar de nomes tão distintos, essas doenças têm uma coisa em comum: todas são causadas pelo mesmo mosquito, o aedes aegypti. Entre as formas de combatê-lo está, principalmente, a eliminação de criadouros do mosquito. Além disso, é bom se prevenir e manter sempre um repelente por perto. Abaixo, você encontra uma receita caseira de repelente à base de cravo-da-índia. Ou, como é conhecido por muita gente da Região Norte, o “repelente dos pescadores”.

Assim como o capim citronela, o cravo é rico em óleos essenciais que contêm o eugenol, substância responsável pelo aroma ativo e marcante do cravo. E é justamente o que confunde o mosquito, uma vez que não o deixa sentir o cheiro da pele humana.

Ingredientes

Para fazer o repelente, você precisa somente de:

* 500 ml de álcool

* 100 ml de óleo corporal (de amêndoas, de lavanda ou outro de sua preferência)

* 15g de cravo-da-índia (2 saquinhos)

* borrifador

Como fazer

Etapa 1 – Despeje todo o cravo-da-índia dentro do frasco com álcool. Deixe essa mistura macerar por 15 dias. Algumas receitas deste repelente ensinam a deixá-la por apenas 4 dias. Mas um prazo maior aumenta a sua potência. Não esqueça de agitar o frasco uma ou duas vezes ao dia.

Etapa 2 – Passado o prazo dos 15 dias, você vai coar o álcool (que já vai estar bem marrom) em um recipiente limpo e acrescentar os 100 ml do óleo. (Ah! O cravo deve ser mandado embora. Lixo!)

Etapa 3 – Agora que você está com a mistura do álcool com o óleo, você vai despejá-la num frasco borrifador de sua preferência. Vale lembrar que, se o borrifador for pequeno, você pode conservar a mistura no próprio frasco do álcool e ir acrescentando aos poucos ao frasco borrifador, à medida que o repelente for acabando. Mas se o borrifador couber os 600ml de uma só vez, ótimo!

Repelente caseiro contra dengue, zika e chikungunya

  1. Material necessário
  2. Álcool e cravo – 1º dia
  3. Álcool e cravo – 15º dia
  4. Cravo coado
  5. Mistura pronta

É bom saber que…

– óleo pode ser o da sua preferência, mas lembre que se o cheiro dele for forte, pode conflitar com o cheiro do cravo. Melhor não arriscar. Na demonstração, utilizei aquele de bebê da Johnson, que tem o cheiro leve de amêndoas e, no final, fica somente o do cravo mesmo.

– você deve repassar o repelente ao menos de 4 em 4 horas, para que haja uma maior eficácia (sobretudo se você sua muito).

– o repelente não deve ser utilizado em crianças com menos de 3 anos. Para tanto, existem os repelentes infantis.


Sobre o (a) autor (a):