As Feiras de Feira de Santana

Centro de Abastecimento de Feira de Santana

O Centro de Abastecimento vai ser privatizado?

De acordo com o líder do governo na Câmara Municipal, vereador Marcos Lima (Patriota), vários empresários querem administrar o Centro de Abastecimento de Feira de Santana. A informação foi repassada durante a sessão desta terça-feira (13), na Casa da Cidadania, ao responder acusações do vereador Roberto Tourinho.   Abandonado Tourinho disse que a situação do Centro de Abastecimento é de abandono, e elencou os seguintes problemas: lixo, mau cheiro, escuridão, tráfico de drogas, prostituição, lama e até homicídios ocorrem no local. Cheiro de Privatização De acordo com Tourinho, o poder público municipal não faz absolutamente nada, diante de tantos problemas:

Cantoras negras feirenses

Cantoras negras são destaque na música de Feira de Santana

Um olhar cuidadoso sobre as expressões musicais em Feira de Santana torna obrigatório reconhecer o fundamental protagonismo das mulheres em nossa música. Para começar, Feira de Santana é uma das poucas cidades do Brasil que tem seu hino composto por uma mulher: Georgina Erismann, no início do século XX, fez o “Hino a Feira”, numa época em que a mulher sequer tinha direito a voto. Uma das mais tradicionais expressões culturais de Feira de Santana, reconhecida internacionalmente, é capitaneada por uma mulher: Dona Chica do Pandeiro é a matriarca da Quixabeira da Matinha, exercendo um papel de liderança que remonta

OzÉbrios

Grupo feirense OzÉbrios estreia no projeto “Samba da Tarde”

Feira de Santana ganha, a partir deste sábado (10) mais um espaço de apreciação do samba: o Container Mall, com o projeto “Samba da Tarde”. Promovido pela Cervejaria Sertões, a iniciativa apresentará o grupo de samba OzÉbrios, comandado pelo cantor e compositor Rafael Damasceno. O projeto visar ocupar as tardes de sábado do Container Mall com o mais puro ritmo do samba raiz. O grupo OzÉbrios receberá convidados celebrando a junção do melhor do samba, dos sabores (dos petiscos) e das cervejas (artesanais), como elementos de entretenimento e opção de lazer na cidade. Além da Cervejaria Sertões, e o Container

Amanda Magalhães - The Voice - Feira

Amanda Magalhães, a feirense que está no The Voice Brasil 2019

Feira de Santana está mais uma vez no The Voice Brasil. Após o sucesso da feirense Paula Sanffer, que participou do programa global em 2015, e hoje é vocalista da Timbalada, é a vez da cantora Amanda Magalhães, que foi selecionada para o time da cantora IZA. Além de cantora, Amanda Magalhães é atriz (atuou no filme feirense “Porque eu te amei“), e desde cedo se dedicou ao serviço na Igreja por meio das artes. Participante do elenco de uma companhia de teatro musical cristã, a jovem de 25 anos se descobriu como cantora através dos personagens que interpretou ao

A Nova Lei feirense sobre apreensão de veículos

A Câmara Municipal de Feira de Santana promulgou nesta terça-feira, 06, a Lei Nº 346/2019, de autoria do vereador  Marcos Antonio dos Santos Lima, que dispõe sobre a apreensão de veículos automotores de duas e quatro rodas nas sextas-feiras, sábados, domingos, feriados e no último dia útil que anteceder a feriados em Feira de Santana. Nestes dias, a diária do pátio terá início no primeiro dia útil subsequente. Retirada de itens pessoais A lei ainda dispõe que ao proprietário(a) do veículo automotor comprovado com documento de identificação oficial com foto será permitido retirar os itens pessoais a qualquer momento após

3 poetas feirenses lançam livros no mesmo dia!

Feira de Santana terá a oportunidade de prestigiar um grande encontro da sua poesia: em uma única noite, Silvério Duque, Antonio Brasileiro e Nívia Maria Vasconcellos estarão lançando obras recém-publicadas pela Editora Mondrongo, uma grande apoiadora da literatura feirense.

Confira abaixo alguns detalhes sobre cada uma das publicações, seus atores e o evento de lançamento:

Cantares de Arrumação: Panorama da Nova Poesia de Feira de Santana e Região

Autor: Silvério Duque

Cantares de Arrumação

“Cantares de Arrumação” merece destaque entre as obras lançadas, pois assume a responsabilidade de compilar, em uma mesma obra, os principais nomes da literatura feirense e região; aqueles que lançaram seus livros a partir dos primeiros anos deste século, e que vêm, cada um à sua maneira, garantindo destaque e prestígio nos meios literários desde então.

A histórica tarefa foi realizada pelo poeta Silvério Duque, natural de Feira, que é também músico profissional e professor de Literatura Brasileira e História da Arte. Silvério, que é autor de cinco livros de poesia, diz que a maior dificuldade de se fazer um trabalho como esse é estabelecer critérios rígidos para compilação em um universo tão vasto de ideias, estilos e temas; por isso mesmo, segundo ele: “tive que escolher não só autores nascidos em Feira, mas autores que escolherem a ‘Princesa do Sertão’ para morar, ou se fizeram, educaram-se e se descobriram versificadores por aqui, principalmente através da UEFS”. E completa: “a antologia era para destacar os principais nomes de nossa poesia entre os novos poetas, mas escolhi poetas mais experientes por terem lançado seus primeiros livros há pouco; ou seja, estão começando agora também; são tão ‘novos’ quanto os demais”.

O livro conta também com um estudo de seu autor sobre a história da poesia feirense, do século passado até agora. A ideia do estudo é unir essa produção da poesia feirense desde Aloísio Resende, no inicio do século passado, seguindo com Eurico Alves Boaventura, e revista “Arco e Flexa”, não esquecendo, obviamente, do grupo “Hera” e seus representantes, unindo-os juntamente com seus contextos histórico-culturais a esses novos nomes que se descobrem agora em Feira de Santana.

Você pode adquirir a obra em pré-lançamento no site da Mondrongo!

Lisboa 1935

Autor: Antonio Brasileiro

Lisboa 1935

Com cerca de vinte livros publicados, entre poesia, ensaio, conto e romance, outro grande poeta que lançará sua obra no dia 03 de março é Antonio Brasileiro, com “Lisboa 1935”.

O título enfeixa os últimos dez anos de criação do poeta, que é Doutor em Letras, professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) e membro da Academia Baiana de Letras.

Adquira “Lisboa 1935” no site da Editora Mondrongo!

Para não suicidar

Autora: Nívia Maria Vasconcellos

Para não suicidar

Finalizando a tríade literária, a escritora Nívia Maria Vasconcellos lança a segunda edição do livro de contos “Para não suicidar”, contendo o inédito conto “Apenas mais uma noite qualquer”.

Nívia é doutoranda em Literatura e Cultura da Universidade Federal da Bahia e possui outros três livros publicados.

Adquira “Para não suicidar” no site da Editora Mondrongo!

Recapitulando…

O quê: Lançamento dos livros “Cantares de Arrumação”, “Lisboa 1935” e “Para não suicidar”, de Silvério Duque, Antonio Brasileiro e Nívia Maria Vasconcellos, respectivamente.

Quando: Dia 03 de março, 20 horas.

Onde: Radiola Lanchonete Cultural, Rua 1º de maio, 20, bairro São João.


Sobre o (a) autor (a):