As Feiras de Feira de Santana

3 Peças de Teatro em setembro

3 peças teatrais imperdíveis que estarão em Feira em setembro

A cena teatral em Feira de Santana é intensa e fértil, com a produção de muitos espetáculos de repercussão e visibilidade nacional, além da recepção de peças de outras partes do país que encontram na cidade acolhimento para suas apresentações. Só para tomar um exemplo, em Feira ocorre um dos maiores festivais de teatro infantil do Brasil – o FENATIFS, que já está organizando sua 12ª edição para 2019. Nesse mês de setembro de 2019, o feirense terá a oportunidade de preencher sua programação com três espetáculos de muita qualidade, abordando a vida de figuras de relevância histórica: a pintora

Augusto Aras e Feira de Santana

A relação do Procurador de Bolsonaro com Feira de Santana

Quem acompanha o noticiário político nacional tem visto o debate em torno da indicação de Antônio Augusto Brandão de Aras para o cargo de Procurador Geral da República, feita pelo presidente Jair Bolsonaro. O que poucos feirenses sabem, entretanto, é que Augusto Aras tem íntima relação com Feira de Santana. Augusto é filho do ex-vereador Roque Aras, que exerceu o mandato na Câmara Municipal feirense entre 1971 e 1975 pelo MDB – partido que fazia oposição ao Regime Militar à época. Roque Aras foi também Deputado Estadual (1975-1979) e Deputado Federal (1979-1983). De acordo com o jornalista Dimas Oliveira, Augusto

Podcast para quem merece

O irreverente “Podcast para quem merece”

É crescente a quantidade de pessoas que consome conteúdo em áudio, no Brasil e no exterior. Dos áudiolivros aos podcasts, muitos usuários aproveitam os momentos de ócio em filas, no transporte ou mesmo nas tarefas domésticas para ouvir notícias, debates, aulas etc. A Rede Globo, por exemplo, percebeu a tendência, e lançou recentemente vários podcasts para sua audiência. Um podcast é como se fosse um programa de rádio, mas não é: em vez de ter uma hora certa para ir ao ar, pode ser ouvido quando e onde o usuário quiser. E em vez de sintonizar numa estação de rádio,

Escola Municipal Maria Andiara Silva Souza

A (falta de) estrutura de uma escola em Jaguara

A diretora da APLB/Feira, professora Marlede Oliveira, visitou na última quarta-feira (4), a Escola Municipal Maria Andiara Silva Souza que fica localizada no Povoado da Barra no Distrito de Jaguara. Na escola foi constatado que: A Escola funciona com apenas duas salas de aula e uma professora para lecionar Infantil, 1° ano, 2° ano, 3° ano, 4º ano e o 5° ano; A professora não tem Reserva de 1/3 da Carga Horária; A Escola não tem Internet nem Coordenador Pedagógico. Metas do IDEB Desde 2011, Feira não atinge as metas do Ideb para os anos iniciais do Ensino Fundamental. O

“não é pressa, é saudade dela”

“Não é pressa, é saudade dela”

No auge da minha adolescência – nem faz muito tempo assim – eu tinha uma vontade: viajar por aí de caminhão. Pegar umas caronas com os caminhoneiros e partir sem um rumo certo. Apenas vivendo um momento de cada vez, em cada rodovia e estrada desse nosso tão grande país. Mas a vida adulta chega trazendo responsabilidades e os anseios por aventuras adormecem um pouco. Enquanto lembrava disso, percebi que a figura do caminhoneiro é um tanto fascinante… Observe que todos os meus anseios da adolescência é algo rotineiro para eles. Os caras não param, vivem o momento seja lá

Felipe Rocha: um modelo feirense na São Paulo Fashion Week

Um dos momentos de destaque da São Paulo Fashion Week 2016 foi o desfile da LAB, grife dos rappers Emicida e Evandro Fióti. A ação, que contou com a participação majoritária de modelos negros e negras, teve o objetivo de quebrar os diversos padrões estéticos que são tão habituais no mundo da moda.

Entre o casting de modelos convidados para participar da apresentação está Felipe Rocha, um jovem feirense que vem ganhando espaço em várias campanhas e passarelas pelo país.

Feirense do lote de 1997, o rapaz tem 19 anos e acumula uma gama de jobs na sua breve jornada como modelo. Com 8 meses de carreira e quase mil inscritos no seu canal do YouTube, já participou de incontáveis ensaios, uma porção de desfiles, além de campanhas para lojas de departamento e grifes (já trabalhou para marcas como Cavalera, Ellus e C&A).

Entramos em contato com ele para um bate papo sobre carreira, representatividade, moda e o fator feirense de ser. Confira:

O modelo feirense Felipe Rocha na São Paulo Fashion Week, desfilando para a LAB. Foto: Divulgação

O modelo feirense Felipe Rocha na São Paulo Fashion Week, desfilando para a LAB. Foto: Divulgação

Feirenses: Como e quando a moda surgiu em sua vida?

Felipe Rocha: Sempre que eu via revistas, outdoors e campanhas, crescia um desejo enorme de me tornar um modelo. Desejo esse que foi se esfriando com o passar dos anos por não haver como virar realidade. Mas depois que eu vi que sim, era possível, fiz de tudo para dar certo… E olha só aonde eu estou.

Feirenses: Como surgiu o convite para o SPFW?

Felipe Rocha: Na verdade os modelos não recebem convite para desfilar. Nós participamos de um casting, que é quando os modelos são avaliados pelo cliente, e se formos o perfil que se encaixa na história do desfile, aí sim somos selecionados.

Feirenses: De onde surgiu a ideia do seu canal do YouTube e qual a proposta dele?

Felipe Rocha: No começo eu fazia vlogs com temas do cotidiano, mas quando eu cheguei em São Paulo resolvi dar uma repaginada no meu conteúdo e mostrar para a galera como realmente é a vida de modelo. Estou muito feliz com o retorno que estou tendo no canal.

Feirenses: Fala um pouco sobre a vida e a rotina de modelo

Felipe Rocha: Cada dia é completamente diferente um do outro… Casting, desfiles, campanhas, fitting, editorias… cada dia uma correria. Eu sempre posto tudo no history do Instagram, é a melhor forma de acompanhar tudo de pertinho.

Feirenses: Você é de qual bairro aqui de Feira? Você nasceu aqui?

Felipe Rocha: Eu morava na Vila Olímpia. Sou de Feira, rapaz! Nasci na Bahia e a primeira vez que eu saí dela foi para vir a São Paulo.

Feirenses: Como você foi descoberto?

Felipe Rocha: Eu participei do concurso de uma agência em Feira de Santana que queria descobrir new faces, consegui passar por todas as etapas do concurso e fui o campeão.

Felipe Rocha em campanha da C&A

Felipe Rocha em campanha da C&A. Foto: Divulgação

Feirenses: Como aconteceu sua ida para São Paulo?

Felipe Rocha: Depois de alguns meses trabalhando com a agência, vim para São Paulo com o professor do concurso que selecionou alguns modelos para construir uma carreira.

Feirenses: Como você se sente sendo um modelo negro em meio a uma sociedade racista que impõe padrões estéticos próximos do padrão europeu?

Felipe Rocha: Acredito que eu cheguei no mundo da moda num momento em que essa realidade está mudando. Cada vez mais a moda se transforma e exige perfis interessantes e diferentes. E para falar a verdade, eu estou muito feliz em ter aparecido nesse momento.

Feirenses: Quem te inspira no mundo da moda?

Felipe Rocha: Eu gosto muito do modelo Sean O’pry e do estilista João Pimenta. São profissionais incríveis que eu acompanho faz muito tempo. E adoro o trabalho do Vitorino Campos, para quem já desfilei duas vezes. Sem esquecer que ele é nosso conterrâneo.

Feirenses: Racismo, como você lida com ele?

Felipe Rocha: Eu sempre tive um escudo contra o racismo, pouquíssimas vezes sofri racismo diretamente. Atualmente estou numa vibe tão feliz com tudo que está acontecendo na minha vida que eu resolvi fortalecer meu escudo, e depois que fiz isso ficou muito mais fácil viver sem se preocupar com tanto problema. Tenho uma tese de que quanto menos você se vitimiza esses problemas vão perdendo a força.

Feirenses: Quais dicas você daria para uma pessoa que quer ser modelo?

Felipe Rocha: Persistência e muito desejo são palavras chave para começar a se destacar no mundo da moda. Sem elas eu não teria saído do lugar.

Feirenses: Fala de alguns trabalhos de destaque que você já participou…

Felipe Rocha: Eu já fiz várias campanhas para a C&A. Tenho como um job superimportante. Mas já fiz editorias para revista Elle e Lofficiel com profissionais tão incríveis com Paulo Martinez dando Styling e Nicole Heiniger fotografando que me ganharam para sempre. Sou fã deles!


Acompanhe Felipe Rocha através do Facebook, do YouTube ou do Instagram.


Sobre o (a) autor (a):