Rio Jacuípe

Roberto Mendes

Roberto Mendes faz show na Cidade da Cultura

Um dos maiores artistas que a Bahia produziu estará em Feira de Santana na próxima quinta-feira: o cantor, compositor e ativista santamarense Roberto Mendes faz show na Cidade da Cultura, um dos principais espaços culturais de Feira de Santana. Mendes apresentará um show com tema caro a Feira de Santana: “A chula do Recôncavo com o Canto do Sertão”. Situada entre o Recôncavo e o Sertão, Feira tem a oportunidade de se reconhecer na apresentação de um notável defensor do Samba da Bahia, e do Samba antes do Samba, como ele diz, se referindo à Chula. Ele caracteriza a Chula

Os protestos em Feira de Santana

Os protestos em Feira de Santana

Os protestos em Feira de Santana Milhares de manifestantes foram às ruas do centro de Feira de Santana, protestar contra os cortes de verbas da educação, anunciados pelo MEC. Bolsonaro, Rui Costa e Colbert também foram alvos das críticas. Os três chefes do executivo estavam em viagem oficial Bolsonaro nos Estados Unidos, Rui, na China e Colbert, novamente, em Brasília, para tratar de diversos assuntos, dentre os quais o Hospital da Mulher, onde em menos de uma semana 03 bebês morreram devido à grande demanda e a falta de leitos nas maternidades do município. Professores da UEFS contra os cortes

Desemprego em Feira

Emprego formal se reduz no primeiro trimestre em Feira

No primeiro trimestre de 2019 o desemprego voltou a mostrar as suas garras aqui na Feira de Santana. Foram, no saldo, 480 empregos a menos, no saldo entre admissões (8,7 mil) e demissões (9,1 mil). Os mais penalizados foram os comerciários: no saldo, enxugaram-se 162 oportunidades para esses profissionais. Alguém mais otimista pode enxergar, aí, aquele movimento natural de dispensa do excedente que foi contratado para as festas de final de ano. O preocupante, porém, é que a redução de empregos alcançou atividades que não se relacionam diretamente ao vaivém natural do comércio. É o caso da construção civil, que

Crise na Saúde de Feira de Santana

Crise na Saúde em Feira

Mães encontram dificuldades para dar à luz nos hospitais públicos de Feira de Santana No último domingo, foi comemorado o dia das mães. Porém, nem todas tiveram a razão de comemorar esse dia tão especial em Feira de Santana. Em menos de uma semana 03 bebês morreram no Hospital da Mulher, devido à grande demanda e a falta de leitos nas maternidades do município. Hospital da Mulher atende 20% acima da sua capacidade A presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana, Gilberte Lucas, informou que “é inadmissível uma Maternidade Municipal que está atendendo com mais de 20% de sua

O imperdível Festival Beba a Cidade

Feira de Santana vai receber uma importante iniciativa para os apreciadores de cervejas artesanais: o Festival Beba a Cidade, organizado pela feirense Cervejaria Sertões em parceria com o Hotel Ibis/Feira. O evento contará com a presença de 7 cervejarias artesanais, a maioria delas, locais (Brassaria de Vidro, Zartchmann Bier, Dragórnia, Cervejaria Aguste, Bressy Beer, Cervejaria Sméra e Cervejaria Sertões). Além disso, haverá uma palestra sobre mercado cervejeiro (promovida por um colaborador do SEBRAE-BA), atrações musicais, lançamento de cerveja, cardápio gourmet exclusivo do Hotel Ibis, brassagem coletiva (produção de cerveja) e um #TapWall com 8 estilos de cervejas a serem comercializadas

A Moda Afro em Feira de Santana

A África está contida no Brasil, em tudo, principalmente na Bahia, através da religião, gastronomia, música, costumes, idioma… E não seria diferente na moda, isso me faz lembrar muito o que a filósofa Gilda de Mello Souza diz: “Moda não é somente roupa, e sim uma simbologia, o reflexo da sociedade, que nos permite entender os acontecimentos de determinado período”. Em nossa sociedade atual, estamos cada vez mais livres para deixarmos padrões de lado. Padrões esses que ditaram, durante muito tempo, a nossa forma de se vestir e de se comportar. E uma das formas de comunicar o nosso estilo, ou seja, a nossa personalidade dentro da moda, é através da roupa, de como nos vestimos. Essa também é uma forma de afirmarmos a nossa identidade enquanto ser humano, o que pensamos, do que gostamos e até mesmo se militamos em alguma causa. Como diria o filósofo McLuhan: “A roupa é uma extensão da pele”.

Na moda afro-brasileira, a mistura está cada vez mais forte, com seus tecidos de estampas vibrantes, muitas vezes inspirados nos desenhos das capulanas (aqueles tecidos africanos com estampas baphônicas super coloridas), com modelagens inspiradas em outras culturas, como é o caso do kimono de origem japonesa e que está sendo super tendência nas últimas temporadas. Acessórios com muitos elementos extraídos da natureza, como pedras, madeiras e sementes, se misturam com metais passando do rústico ao moderno. E não podemos esquecer dos turbantes, com suas infinitas possibilidades de amarrações, dos mais discretos aos mais suntuosos. Foi-se o tempo em que turbante compunha apenas looks étnicos. Hoje é muito bem-vindo em diferentes estilos, indo bem até com tênis, o que resulta em looks pra lá de arrojados.

Trouxemos para esta matéria o trabalho da estilista feirense Flávia Sacramento para elucidar o post de hoje. Confira!

Moda Afro em Feira de Santana

Moda Afro em Feira de Santana

Moda Afro em Feira de Santana

 

Fotografia: Felippe Gonçalves

Modelos: Érika Damascena, Luyla Santana, Tatiane Nunes, Paulo Bala e Pedro Rafael.

Vestuário: Flávia Sacramento

Produção de Moda: Glenda Lemos

Make: Edson Matos

Calçados: Jorsan


Sobre o (a) autor (a):