Rio Jacuípe

IPTU em Feira de Santana

IPTU 2019 e Lixeira Improvisada no Tomba – Feira (A)notada

Nota Pública do PT de Feira “Milhares de mulheres, crianças, idosos, homens, necessitam todo mês de exames específicos e não conseguem, nos postos de saúde faltam equipamentos e até materiais de curativos”, diz parte da nota emitida pela Executiva Municipal do Partido dos Trabalhadores de Feira de Santana, sobre a denúncia do Ministério Público Estadual contra o ex-prefeito José Ronaldo, a Secretária Municipal de Saúde e o Procurador Municipal. Banco lixeira na Praça do Tomba Um cidadão encontrou uma lixeira improvisada por populares em um banco (quebrado) na Praça do Tomba. Segundo Rogério Leandro, autor da denúncia nas redes sociais,

José Ronaldo e Denise Mascarenhas

Justiça aceita denúncia contra Ex-Prefeito e Secretária de Saúde – Feira (A)notada

Governador Rui Costa em Feira O governador Rui Costa esteve na manhã desta sexta-feira, 11, em Feira de Santana para a assinatura da ordem de serviço para Construção do novo Hospital Geral Clériston Andrade – HGCA 2. Logo cedo concedeu entrevista coletiva à imprensa respondendo sobre diversos assuntos relacionados ao município. Embasa O governador garantiu um investimento em torno de 500 milhões de reais da Embasa no município para construção de uma nova estação de tratamento, uma nova adutora da barragem através de PPP (Parceria Público-Privada). Lagoa Grande O governador disse que a única coisa que falta para concluir a

Quixabeira da Matinha em Portugal

O novo CD ao vivo da Quixabeira da Matinha [2019]

Está no Youtube o novo CD da Quixabeira da Matinha, um trabalho promocional gravado na Associação cultural Coleirinho da Bahia no dia 25 de novembro, dia municipal do samba de roda: O disco da Quixabeira também está disponível para download no site “Sua Música”.

MP-BA denuncia superfaturamento na saúde de Feira

MP-BA denuncia superfaturamento na Saúde de Feira – Feira (A)notada

Operação Pityocampa: MP denuncia 11 pessoas por organização criminosa e lavagem de dinheiro O Ministério Público estadual denunciou onze pessoas por crimes de organização criminosa, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro cometida em um esquema fraudulento de licitações e superfaturamento de contratos celebrados pela Coofsaúde Cooperativa de Trabalho, com a Prefeitura de Feira de Santana. O esquema foi desarticulado pela “Operação Pityocampa”, realizada no último dia 18 de dezembro. A denúncia foi oferecida à Justiça no último dia 27. O MP também pediu a decretação de prisão preventiva dos denunciados, pedido acatado pela Justiça na mesma data. Superfaturamento Ainda conforme a

Um estranho no ninho

Um estranho no ninho…

Políticos na expectativa A demora para o anúncio do novo secretariado do Governador Rui Costa (PT) tem deixado muita gente apreensiva. Em Feira de Santana, a expectativa é sobre que espaço o deputado estadual – não reeleito – Carlos Geilson vai ocupar no Governo, já que o petista prometeu um “espaço do tamanho de Feira de Santana” ao seu mais novo aliado. Quem também aguarda uma definição é o deputado Angelo Almeida (PSB). Apesar da excelente votação, o socialista ficou na 2ª suplência e vive a expectativa do anúncio dos secretários para saber se continua ocupando uma cadeira na Assembleia

Divaldo Franco: um feirense iluminado

Entre as recentes leituras que mais me encantaram está a biografia do feirense Divaldo Pereira Franco, escrita pela jornalista Ana Landi.

Pelo que me recordo, tenho contato com o espiritismo desde os meus 10 anos de idade, quando participava do “Culto no Lar”, que minha mãe fazia em nossa casa, ou quando eu a acompanhava ao Centro Espírita União Feirense. Desde esse tempo, alguns nomes me eram marcantes. E Divaldo Franco era um dos principais, junto aos de Chico Xavier, Bezerra de Menezes, Zibia Gasparetto e Vera Lúcia Marinzeck. Também por isso, escrever sobre ele é, para mim, um grande prazer. E uma imensa ousadia, por não estar a minha escrita à sua altura. Mas peço mental licença e lá vou eu.

Na Feira de Santana de 1927, a do mercado de gado e dos tropeiros, viveram Ana Alves Franco e Francisco Pereira Franco. Dona Ana, aos 44 anos, foi ao médico buscar solução para uma suposta “barriga d’água”. A informação de sua gravidez veio junto com um pedido de aborto, feito pelo médico, que identificava ali problemas financeiros, sendo ela já mãe de 12 filhos (alguns já falecidos àquela altura), e risco pela avançada idade. Com enfática recusa a um aborto, Dona Ana deu à luz Divaldo Franco.

“Divaldo copiava as lições no caderno e acordava às 4h da manhã, para estudar à luz do poste da rua e, em seguida, ir para a aula”

De infância pobre, filho de uma terna dona de casa e um rígido comerciante de fumo (que, vez em quando, trabalhava em mercearias ou retalhava carne para reforçar o orçamento), Divaldo aprendeu sobre humildade e comprometimento com o trabalho. Dada a dureza e o machismo do pai, também passou por momentos difíceis, sobretudo porque este, em vida, não aceitava a mediunidade do filho, encarando-a como alucinações ou coisas do demônio. E apanhou muito. “Se continuar com essa loucura de falar com os mortos, eu é que vou acabar te matando na chibata”. A mãe, por outro lado, ainda que analfabeta e muito católica, acalmava o filho. Pedia-lhe que ficasse calmo, que aquelas aparições deviam ocorrer por algum motivo que não cabia a ele julgar. E que, mesmo que aquilo o afastasse do Catolicismo, ele não se preocupasse. O importante era fazer o bem. O reconhecimento do pai veio depois de sua morte, quando apareceu a Divaldo, desculpando-se por sua ignorância e por tê-lo querido como o irmão, então goleiro do Bahia (depois, Bahia de Feira), o Yo-Yo. “Você não deixa de ser um goleiro. Só que um goleiro de Deus!”.

Ainda garoto, Divaldo Franco cursou a Escola Normal de Feira de Santana. Queria tornar-se professor, já que não tinha como pagar os estudos para ser médico ou padre, sua vontade inicial. Na Escola, era um dos mais aplicados. Sem luz elétrica em casa nem dinheiro para pagar as cartilhas, Divaldo copiava as lições no caderno e acordava às 4h da manhã, para estudar à luz do poste da rua e, em seguida, ir para a aula. Dono de uma determinação sem tamanho, também passou por períodos de muita perturbação espiritual, quando ainda não sabia lidar com a sua mediunidade ostensiva. O seu primeiro contato com o centro espírita veio após uma inexplicável paralisia que lhe acometeu as pernas. Acamado, recebeu a visita da espírita Ana Ribeiro Borges, levada por uma prima de Divaldo, e teve identificada a obsessão pela qual passava. Depois disso, sua própria mãe, dona Ana, forçou-o a frequentar o Centro Espírita Jesus de Nazaré. Naquele tempo, Divaldo era coroinha do Sagrado Coração de Jesus e tentou resistir à ida ao Centro, mas acabou cedendo. Lá, surpreendeu-se ao ver pessoas de respeito e, pela primeira vez, sentou-se à mesa com outros médiuns. Entrou em transe, transmitiu à mãe o recado de um de seus filhos, irmão de Divaldo, e, a partir daí, virou frequentador assíduo do Centro, mesmo sem deixar de frequentar a missa, na Igreja Matriz de Feira de Santana. Tinha apenas 17 anos. Passou a frequentar também outros centros espíritas, tornando-se palestrante em 1947, com quase 20 anos de idade.

A Mansão do Caminho

Divaldo Franco é, hoje, um dos maiores popularizadores mundiais do Espiritismo. Um dos mais completos médiuns de todos os tempos, na opinião de muitos estudiosos. Como disseminador da bondade e da caridade pura, é responsável, juntamente com Nilson Pereira (seu grande amigo de longa data), pela criação da Mansão do Caminho, obra que lhe veio através de uma revelação enquanto passava pelo bairro Pau da Lima, em Salvador, onde se situa a Mansão. Fundada em 1952, é um ambiente de reprogramação do ambiente familiar, que dá fundamental importância à educação e à saúde de milhares de crianças. Por isso, conta com creche, escolas (inclusive, com convênio estadual), centros de formação de artes e informática e demais cursos. Mais ainda, possui Centros de Parto Normal, Policlínica, Laboratório e um sem-fim de benfeitorias. A Mansão atende, hoje, cerca de 3 mil crianças, adolescentes e jovens de famílias de baixa renda, por dia, em regime de semi-internato e externato. Além disso, Divaldo é pai de 685 filhos adotivos e mais de 200 netos e bisnetos.

“Parte da sua manutenção vem da venda dos livros psicografados por Divaldo, cuja renda é integralmente doada para a Mansão do Caminho”

Traçar estas poucas linhas para falar do trabalho da Mansão é muito pouco. Pouco demais. Mesmo porque o nome já demonstra a dimensão do trabalho feito por este grande lar. Parte da sua manutenção vem da venda dos livros psicografados por Divaldo, cuja renda é integralmente doada para a Mansão do Caminho. Todo o trabalho assistencial e doutrinário feito pelo Brasil e no exterior é exercido gratuitamente. Para seus gastos pessoais e de algumas viagens, servem-lhe os recursos da sua aposentadoria como funcionário público do antigo Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores do Estado – Ipase.

Pela sua obra e representatividade, Divaldo Franco recebeu homenagens em diversos países e cidades das Américas, Europa e África: comendas, placas, medalhas, troféus, moções, diplomas, certificados e títulos honoríficos significativos, que reúnem, em sua totalidade, mais de 700 homenagens. Mais recentemente, recebeu a visita do Comandante Geral da Polícia Militar da Bahia, o qual deixou claro o seu interesse em deixar a tradição coercitiva desta instituição, entrando em “nova ordem de contribuição em favor da paz entre as criaturas”, como bem descreveu Divaldo em sua coluna quinzenal do Jornal A Tarde.

Todos os anos, Divaldo Franco palestra em nossa cidade, na Semana Espírita de Feira de Santana. Neste ano de 2015, ano da 37ª edição, não vai ser diferente.

Abaixo, segue a programação da Semana Espírita, que ocorrerá nos dias 19 a 27 de setembro, no Ginásio do Colégio Castro Alves, e terá como tema “Construindo a consciência de Imortalidade”. Divaldo estará presente no dia 21/09, segunda-feira.

A entrada é gratuita e a ação será transmitida durante toda a semana no site da Federação Espírita Brasileira – FEB: www.febtv.com.br.

Semana Espírita de Feira de Santana

 

Palestra Semana Espírita

 

Programação da Semana Espírita de Feira

 

Semaninha Espírita Feira de Santana


Sobre o (a) autor (a):