Rio Jacuípe

A Procissão de Nossa Senhora da Boa Morte em Cachoeira

A Procissão de Nossa Senhora da Boa Morte em Cachoeira

Ontem (14) aconteceu a procissão de Nossa Senhora da Boa Morte, em Cachoeira, um dos pontos altos das celebrações que se estendem por uma semana. Até a sexta-feira (17) o município vai continuar mobilizado pelos festejos seculares, que harmonizam a ancestral cultura religiosa de matriz africana com os ritos católicos legados pelos colonizadores portugueses. Transbordante de cultura, densa em História, palco de memoráveis mobilizações nas jornadas da Independência da Bahia, dotada de rico patrimônio arquitetônico, Cachoeira vive no mês de agosto uma das suas mais intensas semanas. Uma chuva miúda – uma quase imperceptível garoa – ameaçou encorpar, mas se

Cooperativa de Badameiros de Feira de Santana

A Cooperativa de Badameiros feirense, comandada por mulheres

Em 1777, o grande químico francês Antoine Lavoisier enunciou a Lei da Conservação das Massas, que tornou conhecida a célebre frase: “Na Natureza, nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”. De fato, o Planeta Terra tem uma capacidade própria (Biocapacidade) de renovar e transformar seus recursos naturais para que sejam novamente reutilizados pelos seres humanos. Dessa forma, a Natureza se torna fonte primária (por isso, o nome matéria prima) de extração de recursos para os seres humanos produzirem seus alimentos, ferramentas, máquinas, carros, casa, móveis, computadores, livros etc. O grande problema ocorre quando os materiais gerados por conta

Dito Leopardo

Dito Leopardo: artista, boêmio e humano

Ao homem, é imperativo decidir o lugar que quer ocupar no mundo. Deixar de escolher não é uma alternativa. Fora da caixa, de riso frouxo e deboche contumaz, Dito Leopardo é um artista feirense que você deveria conhecer. Nascido em 1952, na cidade de Serrinha, Expedito Francisco Rocha, ou melhor, Dito, erradicou-se em Feira de Santana e aqui construiu, junto ao grupo musical Os Leopardos, uma intensa e memorável carreira como cantor. Nos tempos da brilhantina e dos bailes realizados em clubes sociais, era Dito quem orquestrava noites dançantes e proporcionava galanteios desvairados. Fez do Feira Tênis Clube e da

Futebol para cegos em Feira de Santana

Time feirense de futebol para cegos é destaque nacional

O futebol de Feira de Santana não é representado apenas pelo Fluminense de Feira e pelo Bahia de Feira, clubes locais que mobilizam os apaixonados pelo esporte na cidade. Por aqui há uma equipe que disputará o Campeonato Brasileiro da série A na sua categoria – além de ser finalista do Campeonato do Nordeste. O desempenho invejável é da equipe de Futebol de 5 da União Baiana de Cegos, a UBC, de Feira de Santana, que desde 2011 participa de competições oficiais na Bahia e fora do estado. A equipe é composta por pessoas cegas, que se orientam no campo

As feiras de Feira de Santana

As feiras de Feira de Santana

A palavra “organização” vem do grego “organon”, que significa “organismo” ou “instrumento” de trabalho. Assim, o filósofo grego Aristóteles tem o conjunto de suas obras lógicas chamadas de Órganon, já que, para a Filosofia, a Lógica é o instrumento crucial de seu funcionamento. Nesse sentido, as feiras também são o Órganon de Feira de Santana: o instrumento de trabalho e sobrevivência de milhares de feirenses e regionais, que transitam pelas feiras da cidade comercializando seus frutos, verduras, raízes, roupas, sucata e o que mais for possível. Mas, como o leitor deve saber, as feiras desse entroncamento não obedecem ao rigor lógico

Feira recebe 1º Campeonato de Cubo Mágico da Bahia

O Cubo de Rubik, também conhecido por Cubo Mágico, é um quebra-cabeça tridimensional, inventado pelo húngaro Ernõ Rubik em 1974. Porém, sua explosão de popularidade iniciou-se em 1980, quando o cubo passou a ser um brinquedo internacional. Ernõ Rubik demorou cerca de um mês para resolver o cubo pela primeira vez.

Ele tinha a intenção de criar uma peça que fosse “perfeita”, referindo-se à geometria, para ajudar a explicar conceitos de terceira dimensão aos seus alunos de arquitetura, mas acabou criando um incrível quebra-cabeça com exatas 43.252.003.274.489.856.000 (43 quintilhões) de combinações possíveis. O primeiro cubo foi desenvolvido com peças de madeira e cada um dos 6 lados pintados de cores diferentes para que os movimentos realizados pudessem ser observados com maior facilidade.

A sua solução era algo raro e valioso: o desejo de ver as seis faces do cubo reorganizadas atingia todas as idades e profissões. Foram lançados mais de 60 livros para ajudar tais pessoas. Nenhum outro quebra-cabeça teve tantos adeptos, o que o torna um brinquedo genial. É considerado um dos brinquedos mais populares do mundo, atingindo um total de 1 bilhão de unidades vendidas, sem falar em suas diferentes imitações.

O Cubo Mágico possui diversas variações: a 2x2x2, conhecida como Pocket Cube, 4x4x4 (chmada de “a vingança de Rubik), 5x5x5 (o cubo do professor), dentre outras. Mas é a versão 3x3x3, conhecida somente como Cubo de Rubik, que é a mais popular e disseminada mundo afora.

Os tipos de Cubo Mágico

A prática de resolver o cubo traz diversos benefícios, como desenvolvimento do raciocínio lógico, concentração, coordenação motora e estímulo da memória e noção espacial. É uma atividade que contribui para deixar a mente mais ativa e estimular o pensamento criativo, levando as pessoas a uma vida melhor e mais saudável.

Os campeonatos de Cubo Mágico

Com a popularização do cubo mágico, também surgiram os diversos campeonatos oficiais espalhados pelo mundo, cujo órgão regulamentador é a Associação Mundial de Cubo Mágico (World Cube Association).

O primeiro campeonato no Brasil aconteceu no dia 08 de dezembro de 2007, em Sumaré-SP. Desde então, já aconteceram cerca de 85 campeonatos em diferentes estados, sendo em São Paulo a maior concentração. Em 2015 foram registrados 27 campeonatos no Brasil.

O primeiro campeonato no Nordeste aconteceu em Campina Grande-PB, em agosto de 2012. Ao todo o Nordeste já realizou 12 campeonatos oficiais, no Ceará, Sergipe, Rio Grande do Norte e Maranhão. Em 2015 foram apenas dois campeonatos realizados, ambos em Fortaleza.

Primeiro campeonato na Bahia

A Bahia nunca realizou um campeonato oficial, mas existem bons cubistas em várias cidades, principalmente em Feira de Santana, Salvador, Valente, Juazeiro e Vitória da Conquista. A maioria nunca teve oportunidade de participar de um campeonato oficial, devido à dificuldade de se deslocar para outro estado. Diante dessa situação, surgiu o interesse em realizar o I Campeonato de Cubo Mágico da Bahia, o Oxente Open 2016, tendo sido Feira de Santana a cidade escolhida para a realização desse evento pioneiro no estado.

Diversos encontros e ações, como a realização da oficina de Cubo Mágico na 8ª Feira do Livro da UEFS, vem difundindo a prática do cubo mágico na cidade, e fortalecendo a organização do evento que irá reunir os cubistas de diferentes regiões da Bahia e alguns vindos de outros estados.

Abaixo, matéria da TV Olhos D’água sobre a prática do cubo mágico na Feira do Livro:

 

O Oxente Open 2016

Oxente Open

O Oxente Open 2016 acontecerá nos dias 23 e 24 de janeiro de 2016, realizado em parceria com o SESC, aqui em Feira. A competição é reconhecida internacionalmente pela Associação Mundial de Cubo Mágico (World Cube Association) e os resultados farão parte dos rankings oficiais. O Delegado da WCA que irá certificar que todas as regras do regulamento oficial sejam cumpridas será Éder dos Santos Silva.

Modalidades do Oxente Open:

  • Cubo 2x2x2
  • Cubo 3x3x3 (Rubik’s Cube)
  • Cubo 3x3x3 OH (com uma mão)
  • Cubo 3x3x3 WF (com os pés)
  • Cubo 3x3x3 BLD (com os olhos vendados)
  • Cubo 4x4x4
  • Cubo 5x5x5
  • Megaminx
  • Pyraminx
  • Square-1
  • Skewb

Modalidade Extra: TEAM BLD (vendado em dupla)

Veja aqui o cronograma completo do evento!

A entrada do público será mediante a doação de 1kg de alimento não perecível, que será doado ao programa Mesa Brasil SESC. Será cobrado uma taxa para os participantes do campeonato oficial para custeio das despesas com medalhas, troféus, certificados e outros custos relacionados ao campeonato.

Além do campeonato haverá outras atividades como games, jogos de tabuleiro, Just Dance, entre outros que serão realizadas pelo grupo AniHime.

Veja mais detalhes:

O QUÊ: Oxente Open 2016 – Campeonato de Cubo Mágico.

ONDE: Auditório do SESC de Feira de Santana, na Rua Guaratatuba, 345, Tomba.

QUANDO: 23 e 24 de janeiro de 2016

CONTATO: Telefone: (75) 3622-1550 | E-mail: feira@sescbahia.com.br


Sobre o (a) autor (a):