Santini & Trio

Santini & Trio vence o Prêmio Caymmi de Música

Feira de Santana foi destacada no Prêmio Caymmi de música, que pode ser considerada a principal premiação da música baiana na atualidade. Concorrendo com iniciativas musicais de todo o estado, o grupo feirense Santini & Trio foi vencedor na categoria “Melhor Banda”. O prêmio de melhor instrumentista também veio para Feira de Santana, entregue ao baterista Flaviano Gallo (integrante do Santini & Trio).   Integram o grupo o guitarrista Rony Santini, o baterista Flaviano Gallo, o pianista e acordeonista Rogério Ferrer e o baixista Anderson Silva.   Um orgulho para quem é feirense e (re)conhece a qualidade da nossa música

Justiniano entra com Mandado de Segurança contra José Ronaldo

Está no portal do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) um pedido de Mandado de Segurança impetrado pelo vereador eleito e atual secretário de Serviços Públicos da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, Justiniano França. Justiniano, através da advogada Lady Daiane da Silva, alega ter pedido exoneração do cargo, tendo sido a solicitação indeferida pela Prefeito Municipal José Ronaldo. O pedido de liminar já foi julgado pelo Juiz Gustavo Rubens Hungria, que deu o prazo de 5 dias para que o Prefeito exonere o Secretário, sob pena de multa de R$1.000,00 mil reais: Veja aqui a decisão na íntegra! Fontes

Estrada Feira-Serrinha

Viagem entre Feira e Serrinha segue como calvário

Apenas 65 quilômetros separam Feira de Santana de Serrinha através da BR 116 Norte. O intercâmbio entre as duas cidades é intenso: muita gente sai daquela cidade para fazer compras e acessar serviços por aqui, em função dos preços mais em conta; outros buscam atendimento especializado na área de saúde; há aqueles que residem numa cidade e trabalham na outra, robustecendo o fluxo entre as duas localidades; estudantes de Serrinha são alunos da Uefs e de outras instituições de ensino superior feirenses; e não falta quem resida na Feira de Santana, mas frequente o campus da Uneb lá em Serrinha,

Meia Noite em Feira

Meia noite em Paris Feira

Meia-Noite em Paris é uma das obras primas do mestre Woody Allen. Como de costume, ele narra sobre a vida. Logo após a projeção ficamos com aquele ar de reflexão sobre onde nos encontramos no momento, se gostamos do jeito que estamos vivendo, como nos relacionamos e como devemos encarar algumas realidades. Em certo momento do longa, o personagem Gil (Owen Wilson) faz a seguinte pergunta: “Como esta cidade pode ser tão mágica?”. Gil se encanta por Paris. Enxerga o que aquela cidade pode oferecer. Se sente bem ali, absorve inspiração para seus projetos e o faz refletir, repetidamente, se

Neblina em Feira de Santana

Densos nevoeiros nas manhãs feirenses de inverno

Os dias começam a ficar mais quentes na Feira de Santana. As baixas temperaturas registradas entre junho e julho – coisa rara nesses tempos de tanta discussão sobre aquecimento global – parece que não vão se repetir até o final do inverno. E ontem a serra de São José, envolta em frequentes chuviscos prateados e em névoa constante desde o início do inverno, amanheceu muito nítida, com o verde da vegetação renovada se insinuando e a palidez da rocha refletindo a luz límpida do sol. Quem saiu agasalhado precisou se despir, ajustar-se à temperatura elevada pelo calor vigoroso. Os nevoeiros

Teatro em Feira: espetáculo “Sobre a Pele” em cartaz

Os feirenses interessados por teatro terão uma oportunidade ímpar de assistir um dos espetáculos indicados ao Prêmio Braskem de Teatro em três categorias: melhor atriz, melhor texto e diretor revelação. É a peça “Sobre a Pele”, um drama realizado por quatro atrizes e traça a história das memórias de Sofia, mulher idosa que perdeu a visão após presenciar o afogamento da mãe. Presa em um manicômio, ela revive fragmentos de sua trajetória repleta de opressões psicológicas, perda de esperança e dos seus próprios sonhos. As atrizes se alternam em um embate cênico entre as lembranças doentias e a realidade cruel do cárcere vivido por Sofia, que tem como único subterfúgio esculpir com argila uma vida de lembranças fraturadas.

Uerla Cardoso (atriz de Maçã e A Ambulância) representa Sofia, e tem a companhia de Lílith Marques (Atire a primeira pedra e As quatro meninas), Ella Nascimento (O Paí, Ó e Cabaré da Raça) e Jane Santa Cruz (Dorotéia e Cuida bem de mim), que interpretam três memórias traumáticas da Infância, Juventude e Maturidade, respectivamente.

O ‘Projeto Sobre a Pele em Circulação – Um Realce Sobre o Feminino’ conta com o apoio financeiro do Fundo de Cultura da Bahia, Fundação Cultural do Estado da Bahia, Secretaria de Cultura, Secretaria da Fazenda e Governo da Bahia, através do edital Setorial de Teatro 2016, além da parceria junto a Diretoria de Espaços Culturais e suas unidades nas cidades visitadas.

A montagem faz parte do projeto ‘Um Realce Sobre o Feminino’ e levará a peça para cinco municípios baianos (Feira de Santana, Valença, Porto Seguro, Itabuna e Santo Amaro) que são apontados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) como locais de elevado índice de violência contra a mulher no estado. Após cada apresentação, será promovida uma conversa entre elenco, diretor e o público presente.

Espetáculo "Sobre a Pele"

A obra, que acaba de representar o Brasil em Lima, no Peru, tem direção de Fernando Santana (Namíbia, não!, Exu A Boca do Universo) e conta com uma equipe composta por Agamenon de Abreu, Allison de Sá (Ganhador do prêmio Braskem 2016), Luciano Salvador Bahia, além das participações especiais de Hebe Alves e Harildo Déda, em vozes off.

‘Sobre a Pele’ é uma realização do Colectivo Âmbar, rede de artistas e promotores cênicos latino-americanos, em parceria artística entre Brasil e México.

Oficinas gratuitas

O projeto levará também oficinas gratuitas de dramaturgia, atuação e dança, ministradas nos dias 2 e 3 de junho pelo diretor Fernando Santana e pelas atrizes do espetáculo.

2 de junho, às 9h no Centro de Cultura Amélio Amorim

A Oficina Estado Cênico é pautada em dramaturgia e atuação e será oferecida exclusivamente para participantes do gênero feminino a partir de 15 anos, com alguma experiência em teatro. Dramaturgo e diretor do espetáculo, Fernando Santana desenvolverá com as participantes, a partir de exercícios práticos e teóricos, a criação de novos textos teatrais sem perder de vista a inteireza cênica; o que os ministrantes intitulam de “corpo constante”. Serão oferecidas 15 vagas.

3 de junho, às 14h no Centro de Cultura Amélio Amorim

A Oficina Movimento Essencial conta com exercícios de atuação e princípios da dança. Ministrada por Jane Santa Cruz, Ella Nascimento, Uerla Cardoso e Lílith Marques (atrizes), trará como conteúdo uma série de exercícios voltados a técnicas de interpretação, com eixo no movimento-imagem-ação e princípios de vários estilos brasileiros de dança, entre eles a dança afro e o côco, além de outras referências de estilos femininos como o stiletto (dança de salto). Serão oferecidas 20 vagas.

Faça aqui sua inscrição para as oficinas!

Recapitulando…

O quê: Espetáculo “Sobre a Pele”

Quando: 1 e 2 de junho, às 20h

Onde: Centro de Cultura Amélio Amorim

Quanto: R$ 10 (inteira) em R$ 5 (meia)


Sobre o (a) autor (a):