União Médica

Crianças feirenses com Câncer recebem presente único

É muito comum que pessoas diagnosticadas com câncer tenham uma mudança grave em seu estilo de vida. O tratamento envolve desgastes físicos e emocionais significativos, exigindo um esforço pessoal e familiar fora do comum. No caso das crianças com câncer, a dificuldade se aprofunda, já que a infância é um período fundamental para o desenvolvimento da personalidade e do caráter de todo indivíduo. Nesse sentido, o ambiente familiar e social saudável torna-se imprescindível para compensar as dificuldades trazidas pela doença. A criança com câncer não pode ser menos criança: deve ter acesso a diversões, brincadeiras, atenção e inventividade próprios da

SAMU

Trote para o SAMU terá multa em Feira

O Governo Municipal sancionou a Lei 3.761, de 9 de outubro de 2017, que dispõe sobre a imputação de multas para os praticantes de trotes contra o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o SAMU. Veja alguns artigos da Lei: Art. 1º – Fica passível de multa os proprietários de linhas telefônicas cujos aparelhos sejam utilizados para a prática de trotes contra o SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Art. 2º – Identificando o número do telefone do infrator, este será encaminhado pelo SAMU através de um relatório às respectivas empresas telefônicas para que as mesmas forneçam os nomes

Desemprego em Feira de Santana

Emprego em Feira pode alcançar quarto ano de saldo negativo

Semana passada houve um festivo balanço sobre o desempenho da economia brasileira nos oito primeiros meses do ano. Em meio aos confetes, às autocongratulações, ao otimismo acerca do futuro redentor, alguém ponderou que é precoce assegurar que o pior já passou para o mercado de trabalho. Mas a advertência se perdeu em meio à algazarra que busca sufocar os vexatórios escândalos de corrupção que, a cada semana, ganham um novo capítulo, envolvendo Michel Temer (PMDB-SP), o mandatário de Tietê, e sua retaguarda palaciana. O raciocínio é oportuno, conforme uma análise superficial sobre os números mais recentes atesta. Embora registre tênue

Ensino Religioso

Escola sem partido, mas com religião

Quando criança, assisti às inevitáveis aulas de religião na escola. A professora era uma espécie de beata, muito afável e risonha, que frequentava a igreja católica ali do Alto do Cruzeiro, nas imediações do Sobradinho. Naqueles tempos, boa parte da população era católica. Eu próprio tive formação católica: assim, embora não me recorde mais do conteúdo das aulas, lembro que aquilo não me causava estranhamento. Tudo mudou quando cheguei à antiga sétima série, noutra escola: autoritária e intolerante, a professora provocava estranhamento e, não raras vezes, ojeriza à classe. Cavoucando a memória, recordo de uma freira que, uma vez por

Eliana Lima

Entrevista com Eliana Lima [Feirenses TV]

A Feira do Livro – Festival Literário e Cultural de Feira de Santana – nasceu da necessidade de despertar os dirigentes de instâncias públicas, privadas e filantrópicas para a importância de implementar políticas públicas do livro e da leitura na sociedade, e assim possibilitar o acesso de pessoas das diversas esferas sociais ao universo da leitura e das realizações culturais. A Feira já se consolidou como um evento importante para reunião de pessoas em torno da arte, da cultura e do entretenimento. Ela vem se constituindo como uma ação sociocultural que visa a potencializar a formação do leitor de todas

Teatro em Feira: espetáculo “Sobre a Pele” em cartaz

Os feirenses interessados por teatro terão uma oportunidade ímpar de assistir um dos espetáculos indicados ao Prêmio Braskem de Teatro em três categorias: melhor atriz, melhor texto e diretor revelação. É a peça “Sobre a Pele”, um drama realizado por quatro atrizes e traça a história das memórias de Sofia, mulher idosa que perdeu a visão após presenciar o afogamento da mãe. Presa em um manicômio, ela revive fragmentos de sua trajetória repleta de opressões psicológicas, perda de esperança e dos seus próprios sonhos. As atrizes se alternam em um embate cênico entre as lembranças doentias e a realidade cruel do cárcere vivido por Sofia, que tem como único subterfúgio esculpir com argila uma vida de lembranças fraturadas.

Uerla Cardoso (atriz de Maçã e A Ambulância) representa Sofia, e tem a companhia de Lílith Marques (Atire a primeira pedra e As quatro meninas), Ella Nascimento (O Paí, Ó e Cabaré da Raça) e Jane Santa Cruz (Dorotéia e Cuida bem de mim), que interpretam três memórias traumáticas da Infância, Juventude e Maturidade, respectivamente.

O ‘Projeto Sobre a Pele em Circulação – Um Realce Sobre o Feminino’ conta com o apoio financeiro do Fundo de Cultura da Bahia, Fundação Cultural do Estado da Bahia, Secretaria de Cultura, Secretaria da Fazenda e Governo da Bahia, através do edital Setorial de Teatro 2016, além da parceria junto a Diretoria de Espaços Culturais e suas unidades nas cidades visitadas.

A montagem faz parte do projeto ‘Um Realce Sobre o Feminino’ e levará a peça para cinco municípios baianos (Feira de Santana, Valença, Porto Seguro, Itabuna e Santo Amaro) que são apontados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) como locais de elevado índice de violência contra a mulher no estado. Após cada apresentação, será promovida uma conversa entre elenco, diretor e o público presente.

Espetáculo "Sobre a Pele"

A obra, que acaba de representar o Brasil em Lima, no Peru, tem direção de Fernando Santana (Namíbia, não!, Exu A Boca do Universo) e conta com uma equipe composta por Agamenon de Abreu, Allison de Sá (Ganhador do prêmio Braskem 2016), Luciano Salvador Bahia, além das participações especiais de Hebe Alves e Harildo Déda, em vozes off.

‘Sobre a Pele’ é uma realização do Colectivo Âmbar, rede de artistas e promotores cênicos latino-americanos, em parceria artística entre Brasil e México.

Oficinas gratuitas

O projeto levará também oficinas gratuitas de dramaturgia, atuação e dança, ministradas nos dias 2 e 3 de junho pelo diretor Fernando Santana e pelas atrizes do espetáculo.

2 de junho, às 9h no Centro de Cultura Amélio Amorim

A Oficina Estado Cênico é pautada em dramaturgia e atuação e será oferecida exclusivamente para participantes do gênero feminino a partir de 15 anos, com alguma experiência em teatro. Dramaturgo e diretor do espetáculo, Fernando Santana desenvolverá com as participantes, a partir de exercícios práticos e teóricos, a criação de novos textos teatrais sem perder de vista a inteireza cênica; o que os ministrantes intitulam de “corpo constante”. Serão oferecidas 15 vagas.

3 de junho, às 14h no Centro de Cultura Amélio Amorim

A Oficina Movimento Essencial conta com exercícios de atuação e princípios da dança. Ministrada por Jane Santa Cruz, Ella Nascimento, Uerla Cardoso e Lílith Marques (atrizes), trará como conteúdo uma série de exercícios voltados a técnicas de interpretação, com eixo no movimento-imagem-ação e princípios de vários estilos brasileiros de dança, entre eles a dança afro e o côco, além de outras referências de estilos femininos como o stiletto (dança de salto). Serão oferecidas 20 vagas.

Faça aqui sua inscrição para as oficinas!

Recapitulando…

O quê: Espetáculo “Sobre a Pele”

Quando: 1 e 2 de junho, às 20h

Onde: Centro de Cultura Amélio Amorim

Quanto: R$ 10 (inteira) em R$ 5 (meia)


Sobre o (a) autor (a):