Festival de Samba de Feira de Santana

Feira de Santana terá seu primeiro Festival de Samba

O Coletivo Unidos Pelo Samba promove entre os dias 2 e 9 de dezembro o I Festival de Samba de Feira de Santana. O evento visa promover diálogos e experiências de valorização e reconhecimento do samba na cidade, além de comemorar o Dia do Samba (2 de dezembro). Pela primeira vez receberá esse tipo de evento, reunindo experiências e vivências de compositores, sambistas e admiradores do samba com o público em geral. Na programação, rodas de samba e rodas de conversa que acontecerão no Mercado de Arte Popular (MAP) e em outros pontos da cidade. De acordo com o cantor

Feira Noise Festival

Feira Noise começa nesta quinta

Começa nesta quinta-feira (24) e prossegue até o próximo domingo (26), a sétima edição do Festival Feira Noise. O evento é promovido pelo Feira Coletivo Cultural e contará com apresentações musicais de artistas de todo o Brasil,  além de espetáculos de dança, rodas de conversa, intervenções de artes visuais e outras atividades. Maior festival independente da Bahia, o Feira Noise será aberto na quinta, às 19 horas, no teatro do Centro de Cultura Amélio Amorim, com a palestra Delírios Utópicos, proferida pelo teórico da contracultura e pensador contemporâneo Cláudio Prado, colunista da Mídia Ninja. Também teremos no primeiro dia do

Roberto Kuelho

Roberto Kuelho ganha Prêmio Palco MP3 com CD Sense Bulir

Um ano após o lançamento do CD Sense Bulir, o cantor Roberto Kuelho colhe frutos de seu trabalho. O artista baiano, e feirense, é um dos ganhadores do Prêmio Palco MP3 na categoria “Word Music”. O prêmio é uma realização do Palco MP3, o maior portal de música independente do Brasil. Entre as músicas em destaque no site estão “Nem precisa ser amor” e “Bem no Auge”, que foi ouvida mais de 115 mil vezes. “Esse prêmio nos deixa feliz por ser os primeiros resultado de um trabalho feito com carinho. Mostra que nosso som está encontrando as pessoas certas”,

Ciro Gomes

A palestra completa de Ciro Gomes em Feira de Santana

O presidenciável, ex-ministro dos governos Itamar Franco, Lula e Dilma, um dos criadores do Plano Real e ex-Governador do Ceará, Ciro Gomes, esteve em Feira de Santana no dia 1 de novembro, palestrando na Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Na oportunidade, respondeu a perguntas de alunos e professores da Universidade. Veja o evento na íntegra:  

Homicídios em Feira de Santana

Homicídios mais que dobraram em 20 anos em Feira

No dia 05 de julho de 1997 o extinto jornal Feira Hoje, diário que circulava aqui na Feira de Santana, divulgou um balanço da violência no primeiro semestre daquele ano. Comparando com o ano anterior, houve elevação: foram 77 homicídios e três latrocínios na primeira metade do ano; em 1996, os números foram mais favoráveis: 67 homicídios e quatro latrocínios. Na soma, 80 mortes violentas no primeiro semestre de 1997 e 71 no mesmo período do ano anterior. O levantamento também informava sobre as mortes em supostos confrontos com a polícia: foram 29 em 1996 e, no ano seguinte, o

Galerias tradicionais de Feira de Santana – Shopping Jomafa

Localizado entre as ruas de Aurora e Conselheiro Franco, o Shopping Jomafa é uma das maiores galerias comerciais de Feira de Santana. Na década de 90, quando o Boulevard Shopping ainda não existia, o Jomafa era uma sensação na cidade, tido como o principal Shopping de Feira de Santana.

Naquela época, o centro comercial de Feira monopolizava a comercialização de roupas, calçados e artigos de uso pessoal, diferentemente de hoje, quando o Boulevard, o Outlet e lojas espalhadas pela Getúlio Vargas (na região da Santa Mônica) possibilitam a aquisição desses produtos – principalmente para o público de classe média/alta.

Apesar disso, o Jomafa resiste. Embora não possua as dimensões de um grande shopping, a estrutura pode ser considerada bastante avançada para a época em que foi fundado. A escada centralizada, distribuída entre os três pisos do shopping através de uma trajetória circular, é um indício de que a construção tomou como referência os modernos shoppings.

Shopping Jomafa - Feira de Santana

O piso, que hoje tem um brilho cansado, e a largura dos corredores amplos são outras práticas arquitetônicas próprias de algo mais contemporâneo. Os tubos de metal que compõem as escadas, o sistema de ar condicionado e as estruturas do teto dão a mesma impressão.

Shopping Jomafa

Hoje o Shopping Jomafa, sigla do nome do empresário e ex-prefeito de Feira João Marinho Falcão, se divide principalmente entre lojas vazias para alugar e lojas de empréstimos, onde é possível ver um ou outro gato pingado (ou gata pingada) conversando com as atendentes que tentam convencer aposentados, pensionistas, funcionários públicos e outras presas a adquirir “empréstimo fácil e rápido”. Algumas lojas têm mais atendentes do que clientes.

Shopping Jomafa - Feira de Santana

Aqui e ali outros ramos resistem: uma loja de roupas, uma de apliques de cabelo, outra de materiais de caça e pesca e mais umas duas que aproveitam a proximidade com o SAC para tirar Xerox e fazer impressões.

O surpreendente do Jomafa, sem dúvida, está no piso superior; uma praça de alimentação onde dois restaurantes vendem suas refeições a preços populares. Lá é encontrado um grande painel de um dos principais artistas plásticos feirenses, Juraci Dórea.

O painel, de mais de 5 metros de largura, compõe a série “Fantasia Sertaneja”. Produzido em 1987, possui citações do poeta feirense Iderval Miranda ao lo longo de sua extensão. A obra possui algumas avarias, o que aponta para a necessidade de melhor preservação com urgência.

Juraci Dórea

Juraci Dórea

Painel de Juraci Dórea

Shopping Jomafa

Grandes janelas possibilitam boa quantidade de luz para iluminar a pintura de Juraci, e oferecem, ao mesmo tempo, uma imagem panorâmica de parte de Feira de Santana. Esses são resquícios do brilho comercial do Shopping Jomafa, resquícios de quando o Centro de Feira de Santana ainda recepcionava as elites da cidade.


Sobre o (a) autor (a):