União Médica

Crianças feirenses com Câncer recebem presente único

É muito comum que pessoas diagnosticadas com câncer tenham uma mudança grave em seu estilo de vida. O tratamento envolve desgastes físicos e emocionais significativos, exigindo um esforço pessoal e familiar fora do comum. No caso das crianças com câncer, a dificuldade se aprofunda, já que a infância é um período fundamental para o desenvolvimento da personalidade e do caráter de todo indivíduo. Nesse sentido, o ambiente familiar e social saudável torna-se imprescindível para compensar as dificuldades trazidas pela doença. A criança com câncer não pode ser menos criança: deve ter acesso a diversões, brincadeiras, atenção e inventividade próprios da

SAMU

Trote para o SAMU terá multa em Feira

O Governo Municipal sancionou a Lei 3.761, de 9 de outubro de 2017, que dispõe sobre a imputação de multas para os praticantes de trotes contra o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o SAMU. Veja alguns artigos da Lei: Art. 1º – Fica passível de multa os proprietários de linhas telefônicas cujos aparelhos sejam utilizados para a prática de trotes contra o SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Art. 2º – Identificando o número do telefone do infrator, este será encaminhado pelo SAMU através de um relatório às respectivas empresas telefônicas para que as mesmas forneçam os nomes

Desemprego em Feira de Santana

Emprego em Feira pode alcançar quarto ano de saldo negativo

Semana passada houve um festivo balanço sobre o desempenho da economia brasileira nos oito primeiros meses do ano. Em meio aos confetes, às autocongratulações, ao otimismo acerca do futuro redentor, alguém ponderou que é precoce assegurar que o pior já passou para o mercado de trabalho. Mas a advertência se perdeu em meio à algazarra que busca sufocar os vexatórios escândalos de corrupção que, a cada semana, ganham um novo capítulo, envolvendo Michel Temer (PMDB-SP), o mandatário de Tietê, e sua retaguarda palaciana. O raciocínio é oportuno, conforme uma análise superficial sobre os números mais recentes atesta. Embora registre tênue

Ensino Religioso

Escola sem partido, mas com religião

Quando criança, assisti às inevitáveis aulas de religião na escola. A professora era uma espécie de beata, muito afável e risonha, que frequentava a igreja católica ali do Alto do Cruzeiro, nas imediações do Sobradinho. Naqueles tempos, boa parte da população era católica. Eu próprio tive formação católica: assim, embora não me recorde mais do conteúdo das aulas, lembro que aquilo não me causava estranhamento. Tudo mudou quando cheguei à antiga sétima série, noutra escola: autoritária e intolerante, a professora provocava estranhamento e, não raras vezes, ojeriza à classe. Cavoucando a memória, recordo de uma freira que, uma vez por

Eliana Lima

Entrevista com Eliana Lima [Feirenses TV]

A Feira do Livro – Festival Literário e Cultural de Feira de Santana – nasceu da necessidade de despertar os dirigentes de instâncias públicas, privadas e filantrópicas para a importância de implementar políticas públicas do livro e da leitura na sociedade, e assim possibilitar o acesso de pessoas das diversas esferas sociais ao universo da leitura e das realizações culturais. A Feira já se consolidou como um evento importante para reunião de pessoas em torno da arte, da cultura e do entretenimento. Ela vem se constituindo como uma ação sociocultural que visa a potencializar a formação do leitor de todas

Feira recebe o Festival de Teatro do Interior da Bahia

Nos próximos dias, Feira de Santana irá recepcionar o Festival de Teatro do Interior da Bahia, uma oportunidade única de assistir a espetáculos teatrais de muita qualidade. Além disso, o Festival traz a Feira algumas oficinas para quem se interessa pela área de dramaturgia.

Duas das peças são de Vitória da Conquista, e outras duas são de Feira de Santana. Confira a Programação:

A Cidade da Rua Direita – quarta (14) e quinta (15)

Cidade da Rua Direita - Festival de Teatro do Interior da Bahia

A Cidade da Rua Direita é um espetáculo emocionante e que mistura os fatos reais de personalidades famosas com a ficção de um herdeiro do município. Traz uma história que se passa na cidade de Feira de Santana dos anos 1930, onde, supostamente, um herdeiro dos fundadores da cidade chega reivindicando seus direitos de posse sobre as terras da rua direita (nome da antiga Rua Conselheiro Franco). Ao chegar nas terras, esse homem vai se deparando com personalidades feirenses que viveram na época, ao buscar informações à respeito da pessoa que pode o ajudar a resgatar sua herança. A cada nova persona encontrada, ele vai narrando seus fatos e grandes nomes da história da cidade e do Brasil vão sendo revelados, como Maria Quitéria, Lucas da Feira, Dom Pedro I e assim toda a confusão é estabelecida com muita música e humor.

Matraga – quarta (14) e quinta (15)

Matraga - Festival de Teatro em Feira de Santana

Do Grupo Conto em Cena, de Feira de Santana, é um espetáculo adaptado da obra A hora e a vez de Augusto Matraga, de Guimarães Rosa. Relata a saga de um homem – o maior valentão e temido do lugar – em busca de sua redenção. Após uma surra, que quase o levou à morte, ele acredita que sua hora de entrar no céu irá chegar e, através da fé, da comunhão e do trabalho, busca a regeneração dos seus pecados.  É uma história de grandes reflexões sobre a vida. É a demonstração da capacidade de mudança do ser humano.

Raul, Lira e o Incrível Livro da Capa Azul – sexta (16) e sábado (17)

Raul, Lira e o Incrível Livro da Capa Azul - Festival de Teatro do Interior da Bahia

Uma produção do núcleo de montagem CazAzul, de Vitória da Conquista, com autoria e direção de Adriana Amorim. Tem como tema o universo da literatura e a importância da leitura para as crianças. A história trata, de forma lúdica e onírica, do conflito entre a relação das crianças com o mundo da imaginação e com os diferentes suportes tecnológicos, mais especificamente entre a internet (Netflix, Youtube, jogos eletrônicos) e o livro impresso.

Entre a Cruz, a Espada e a Estrada – sexta (16) e sábado (17)

A montagem do Grupo Caçuá de Teatro, de Vitória da Conquista,  “Entre a Cruz, a Espada e a Estrada- Como nasce um Artista Sertanejo” é um solo do ator Marcelo Benigno. Um contador de histórias do Sertão relembra um cordel que fala sobre o sonho de cada um e o sonho de um artista teatral catingueiro, que para consolidar sua arte, resiste aos mais variados problemas e situações. Enfoca o ofício do ator, a cultura popular e sertaneja, o êxodo rural dos artistas do interior e a crença pessoal em sonhos e ideais.

Festival de Teatro do Interior da Bahia

 

Todos os espetáculos ocorrerão no Centro de Cultura Amélio Amorim. Imperdível!

Recapitulando…

O QUÊ: Festival de Teatro do Interior da Bahia.

ONDE: Centro de Cultura Amélio Amorim.

QUANDO: de 14 a 17 de março.


Sobre o (a) autor (a):