União Médica

Crianças feirenses com Câncer recebem presente único

É muito comum que pessoas diagnosticadas com câncer tenham uma mudança grave em seu estilo de vida. O tratamento envolve desgastes físicos e emocionais significativos, exigindo um esforço pessoal e familiar fora do comum. No caso das crianças com câncer, a dificuldade se aprofunda, já que a infância é um período fundamental para o desenvolvimento da personalidade e do caráter de todo indivíduo. Nesse sentido, o ambiente familiar e social saudável torna-se imprescindível para compensar as dificuldades trazidas pela doença. A criança com câncer não pode ser menos criança: deve ter acesso a diversões, brincadeiras, atenção e inventividade próprios da

SAMU

Trote para o SAMU terá multa em Feira

O Governo Municipal sancionou a Lei 3.761, de 9 de outubro de 2017, que dispõe sobre a imputação de multas para os praticantes de trotes contra o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o SAMU. Veja alguns artigos da Lei: Art. 1º – Fica passível de multa os proprietários de linhas telefônicas cujos aparelhos sejam utilizados para a prática de trotes contra o SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Art. 2º – Identificando o número do telefone do infrator, este será encaminhado pelo SAMU através de um relatório às respectivas empresas telefônicas para que as mesmas forneçam os nomes

Desemprego em Feira de Santana

Emprego em Feira pode alcançar quarto ano de saldo negativo

Semana passada houve um festivo balanço sobre o desempenho da economia brasileira nos oito primeiros meses do ano. Em meio aos confetes, às autocongratulações, ao otimismo acerca do futuro redentor, alguém ponderou que é precoce assegurar que o pior já passou para o mercado de trabalho. Mas a advertência se perdeu em meio à algazarra que busca sufocar os vexatórios escândalos de corrupção que, a cada semana, ganham um novo capítulo, envolvendo Michel Temer (PMDB-SP), o mandatário de Tietê, e sua retaguarda palaciana. O raciocínio é oportuno, conforme uma análise superficial sobre os números mais recentes atesta. Embora registre tênue

Ensino Religioso

Escola sem partido, mas com religião

Quando criança, assisti às inevitáveis aulas de religião na escola. A professora era uma espécie de beata, muito afável e risonha, que frequentava a igreja católica ali do Alto do Cruzeiro, nas imediações do Sobradinho. Naqueles tempos, boa parte da população era católica. Eu próprio tive formação católica: assim, embora não me recorde mais do conteúdo das aulas, lembro que aquilo não me causava estranhamento. Tudo mudou quando cheguei à antiga sétima série, noutra escola: autoritária e intolerante, a professora provocava estranhamento e, não raras vezes, ojeriza à classe. Cavoucando a memória, recordo de uma freira que, uma vez por

Eliana Lima

Entrevista com Eliana Lima [Feirenses TV]

A Feira do Livro – Festival Literário e Cultural de Feira de Santana – nasceu da necessidade de despertar os dirigentes de instâncias públicas, privadas e filantrópicas para a importância de implementar políticas públicas do livro e da leitura na sociedade, e assim possibilitar o acesso de pessoas das diversas esferas sociais ao universo da leitura e das realizações culturais. A Feira já se consolidou como um evento importante para reunião de pessoas em torno da arte, da cultura e do entretenimento. Ela vem se constituindo como uma ação sociocultural que visa a potencializar a formação do leitor de todas

O que tem neste domingo no Feira Noise Festival #FeiraMundo

Hoje é o último dia do maior festival de artes integradas da Bahia. Nos últimos dias os feirenses prestigiarem grandes bandas brasileiras passando pelo palco do Teatro de Arena do Amélio Amorim, como Maglore, Cascadura, Clube de Patifes e I.F.Á. Afrobeat. Neste domingo não será diferente. Veja a seguir a  empolgante lista de atrações:

Domingo, 13h: Roça Sound

Explorando sonoridades entre a Cultura Nordestina, Rap, Dembow, Reggae e Dance Hall, o grupo Roça Sound possui letras que falam do cotidiano variando entre o social e o sentimental. Tendo o suingue como marca, essa equipe vem com referências nordestinas unificadas ao “Sound System” e ao “Bass Line” como forma de execução. Veja um aperitivo:

Domingo, 14h: Expedição Gatos Atômicos

A vertente principal da Expedição Gatos Atômicos remete a sonoridades do denominado indie rock. Eles surgiram com a proposta de fazer som original e que fosse reflexo das experiências passadas dos seus integrantes, sem deixar de estabelecer o foco no trabalho autoral. Confira:

 

Domingo, 14h50: Tabuleiro Musiquim

A Tabuleiro Musiquim é uma banda que possui uma sonoridade diferenciada por arranjos trabalhados com elementos do Rock e do Funk ligados pelos ritmos afro-brasileiros. Muito bom:

 

Domingo, 15h50: Clara Valente

Clara Valente é uma cantora e compositora carioca, e estará se apresentando pela primeira vez em Feira de Santana. A cantora iniciou em janeiro desse ano a turnê de lançamento do disco “Mil Coisas”, seu mais novo trabalho. O repertório autoral de “Mil Coisas” é uma performance musical vibrante, contemporânea e eclética, que vai do afrobeat ao tango, explorando referências nordestinas e eletrônicas. Veja o clipe:

 

Domingo, 16h50: Rapadura

Rapadura, ou mais conhecido como RAPadura Xique-Chico faz uma mescla ousada e inovadora do RAP com a cultura popular brasileira. Cearense de origem, Rapadura transmite a música falada inspirada em ritmos de dança da sua região. Sua obra é conhecida em todo país por carregar junto tradições nordestinas dentro do RAP, que é a sua vertente musical. Mas a embolada, o repente, o maracatu, a capoeira, as cantigas de roda, além do baião e do forró são ritmos que o inspiram a explanar a seca, o agricultor e os processos de urbanização na sua fala. Veja um pouco desse belo trabalho:

 

Domingo, 17h50: Far from Alaska

O quinteto surgido em 2012 nos apresenta riffs poderosos, sintetizadores bem elaborados, um vocal único, original e ainda com o arrojo de compor letras em inglês. A banda surgiu em Natal/RN, mas reside em São Paulo e conseguiu em pouco tempo se destacar ao ponto de tocar em um dos principais festivais do Nordeste (Do Sol), em um dos principais do Brasil (Planeta Terra) e de quebra foi presença destacada no Lollapalooza em 2015, um ano especial para a banda. Confira uma dose da banda:

 

Domingo, 18h50: Calafrio

Banda genuinamente feirense, a Calafrio se consolida por fazer rock sem ter a necessidade de esconder sua versatilidade de também produzir sonoridades que não negam seu potencial pop. Veja o novo clipe da banda:

 

Domingo, 19h50: Vespas Mandarinas

Vespas Mandarinas é uma banda de rock criada na cidade de São Paulo. O nome do grupo é oriundo do inseto homônimo, nativo da Ásia, igualmente conhecido como “Zangão Japonês” ou “Vespa Assassina” e que figura no topo da lista dos insetos mais perigosos do planeta. Conheça o som das Vespas:

 

Domingo, 21h00: Supercombo

Com suas melodias e harmonias imprevisíveis, a banda é um misto de talento e criatividade, capaz de produzir uma variedade de sons com os cuidados técnicos necessários. Guitarras com afinações fora do comum, teclados, sintetizadores e letras que nos passam lições, histórias e sonhos possíveis. A Supercombo é uma banda de rock, original e sem receios em evidenciar seu potencial pop. Divirta-se:


Sobre o (a) autor (a):