União Médica

Crianças feirenses com Câncer recebem presente único

É muito comum que pessoas diagnosticadas com câncer tenham uma mudança grave em seu estilo de vida. O tratamento envolve desgastes físicos e emocionais significativos, exigindo um esforço pessoal e familiar fora do comum. No caso das crianças com câncer, a dificuldade se aprofunda, já que a infância é um período fundamental para o desenvolvimento da personalidade e do caráter de todo indivíduo. Nesse sentido, o ambiente familiar e social saudável torna-se imprescindível para compensar as dificuldades trazidas pela doença. A criança com câncer não pode ser menos criança: deve ter acesso a diversões, brincadeiras, atenção e inventividade próprios da

SAMU

Trote para o SAMU terá multa em Feira

O Governo Municipal sancionou a Lei 3.761, de 9 de outubro de 2017, que dispõe sobre a imputação de multas para os praticantes de trotes contra o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o SAMU. Veja alguns artigos da Lei: Art. 1º – Fica passível de multa os proprietários de linhas telefônicas cujos aparelhos sejam utilizados para a prática de trotes contra o SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. Art. 2º – Identificando o número do telefone do infrator, este será encaminhado pelo SAMU através de um relatório às respectivas empresas telefônicas para que as mesmas forneçam os nomes

Desemprego em Feira de Santana

Emprego em Feira pode alcançar quarto ano de saldo negativo

Semana passada houve um festivo balanço sobre o desempenho da economia brasileira nos oito primeiros meses do ano. Em meio aos confetes, às autocongratulações, ao otimismo acerca do futuro redentor, alguém ponderou que é precoce assegurar que o pior já passou para o mercado de trabalho. Mas a advertência se perdeu em meio à algazarra que busca sufocar os vexatórios escândalos de corrupção que, a cada semana, ganham um novo capítulo, envolvendo Michel Temer (PMDB-SP), o mandatário de Tietê, e sua retaguarda palaciana. O raciocínio é oportuno, conforme uma análise superficial sobre os números mais recentes atesta. Embora registre tênue

Ensino Religioso

Escola sem partido, mas com religião

Quando criança, assisti às inevitáveis aulas de religião na escola. A professora era uma espécie de beata, muito afável e risonha, que frequentava a igreja católica ali do Alto do Cruzeiro, nas imediações do Sobradinho. Naqueles tempos, boa parte da população era católica. Eu próprio tive formação católica: assim, embora não me recorde mais do conteúdo das aulas, lembro que aquilo não me causava estranhamento. Tudo mudou quando cheguei à antiga sétima série, noutra escola: autoritária e intolerante, a professora provocava estranhamento e, não raras vezes, ojeriza à classe. Cavoucando a memória, recordo de uma freira que, uma vez por

Eliana Lima

Entrevista com Eliana Lima [Feirenses TV]

A Feira do Livro – Festival Literário e Cultural de Feira de Santana – nasceu da necessidade de despertar os dirigentes de instâncias públicas, privadas e filantrópicas para a importância de implementar políticas públicas do livro e da leitura na sociedade, e assim possibilitar o acesso de pessoas das diversas esferas sociais ao universo da leitura e das realizações culturais. A Feira já se consolidou como um evento importante para reunião de pessoas em torno da arte, da cultura e do entretenimento. Ela vem se constituindo como uma ação sociocultural que visa a potencializar a formação do leitor de todas

Duas obras prometidas que podem melhorar a qualidade de vida em Feira

No Brasil, tornou-se consenso o entendimento de que “não se deve acreditar em palavra de político”, por causa das inúmeras circunstâncias em que mentiras, falsas promessas e discursos vazios foram proferidos pelas autoridades tupiniquins. Por outro lado, ao nos desligarmos do que dizem os políticos, garantimos que as falas nem sequer precisem ter fundamento, pois sem fiscalização fica mais fácil prometer e não cumprir.

Por isso trazemos duas promessas interessantes, uma feita pelo Prefeito de Feira, José Ronaldo, e uma feita pelo Governador da Bahia, Rui Costa, que trariam (caso executadas) benefícios significativos para a qualidade de vida dos feirenses. Vale a pena tomar conhecimento e cobrar:

Revitalização da Lagoa Salgada

As lagoas de Feira de Santana

O prefeito José Ronaldo de Carvalho autorizou a Secretaria de Planejamento a aprofundar os estudos e informações técnicas, com o objetivo de elaborar um projeto básico para a urbanização da Lagoa Salgada.

De acordo com José Ronaldo, a Prefeitura envidará esforços para obter os recursos necessários a execução das obras, que deverão ser feitas por etapa.

O projeto, de autoria do arquiteto e urbanista Claudio Rôsevel, da Secretaria de Planejamento, prevê uma série de obras estruturais voltadas à revitalização e preservação do manancial aquífero da Lagoa Salgada, bem como criar um complexo espaço de lazer e convivência disseminado ao longo do cinturão que margeará todo o equipamento.

A reunião, presidida pelo prefeito José Ronaldo, e que contou com as presenças dos secretários de Meio Ambiente, Sérgio Carneiro, do Planejamento, Carlos Brito, e da Secretaria de Comunicação, Valdomiro Silva, Claudio Rôsevel demonstrou, através de uma minuta, as obras que darão uma cara nova a um dos principais recursos naturais do município.

No projeto consta a implantação de restaurantes, mirantes para o nascente e o poente, um bosque, campo de futebol, praças para piquenique, orações, convivência e jogos de lazer. O equipamento contará com uma ciclovia, pista de cooper, um parque infantil, praças de futebol society e um anfiteatro para dar vasão às manifestações culturais da comunidade.

A Lagoa Salgada fica à margem da Avenida Nóide Cerqueira.

Trem de passageiros Salvador/Feira

Linha de Trem Salvador/Feira
Em seu discurso no início dos trabalhos da Assembleia Legislativa 2017 o Governador Rui Costa fez as seguintes declarações:

“Iniciaremos em breve uma obra sonhada há muitos anos no Sul da Bahia: a duplicação da rodovia que liga Itabuna a Ilhéus. Outro sonho começa a se materializar com fundação dos pilares da Ponte do Pontal, também em Ilhéus. Estamos negociando com o Ministério do Transporte um investimento compensatório que a FCA tem que realizar e que, a princípio, iria ser feito em Minas Gerais. Nós protestamos e chegamos a dizer que, se fosse necessário, iríamos a juízo reivindicar a inversão desses valores aqui, pois se trata de um investimento que a concessão deixou de fazer na Bahia. O projeto que apresentamos para a Concessionária e para o Ministério prevê que o traçado da Ferrovia seja deslocado de Cachoeira para Feira de Santana, agregando as cargas desse importante centro transformador e logístico. O restante da Ferrovia viria à margem da BR 324, entrando na altura de Candeias para o Porto.

Realizando esse projeto, eu viabilizo a integração com a Estação de Transbordo de Águas Claras, implantando um trem de passageiros com velocidade de 150 km/h para fazer Salvador/Feira de Santana, nesse mesmo leito da Ferrovia. Também torna-se possível integrar o trecho de Candeias até Águas Claras, criando uma ambiência de produtividade ainda maior, de urbanização, de elevação da renda, interligando mercados importantes para a atividade econômica da Bahia.”

***

E você, o que acha dessas obras? Deixe um comentário…


Sobre o (a) autor (a):