Festival de Samba de Feira de Santana

Feira de Santana terá seu primeiro Festival de Samba

O Coletivo Unidos Pelo Samba promove entre os dias 2 e 9 de dezembro o I Festival de Samba de Feira de Santana. O evento visa promover diálogos e experiências de valorização e reconhecimento do samba na cidade, além de comemorar o Dia do Samba (2 de dezembro). Pela primeira vez receberá esse tipo de evento, reunindo experiências e vivências de compositores, sambistas e admiradores do samba com o público em geral. Na programação, rodas de samba e rodas de conversa que acontecerão no Mercado de Arte Popular (MAP) e em outros pontos da cidade. De acordo com o cantor

Feira Noise Festival

Feira Noise começa nesta quinta

Começa nesta quinta-feira (24) e prossegue até o próximo domingo (26), a sétima edição do Festival Feira Noise. O evento é promovido pelo Feira Coletivo Cultural e contará com apresentações musicais de artistas de todo o Brasil,  além de espetáculos de dança, rodas de conversa, intervenções de artes visuais e outras atividades. Maior festival independente da Bahia, o Feira Noise será aberto na quinta, às 19 horas, no teatro do Centro de Cultura Amélio Amorim, com a palestra Delírios Utópicos, proferida pelo teórico da contracultura e pensador contemporâneo Cláudio Prado, colunista da Mídia Ninja. Também teremos no primeiro dia do

Roberto Kuelho

Roberto Kuelho ganha Prêmio Palco MP3 com CD Sense Bulir

Um ano após o lançamento do CD Sense Bulir, o cantor Roberto Kuelho colhe frutos de seu trabalho. O artista baiano, e feirense, é um dos ganhadores do Prêmio Palco MP3 na categoria “Word Music”. O prêmio é uma realização do Palco MP3, o maior portal de música independente do Brasil. Entre as músicas em destaque no site estão “Nem precisa ser amor” e “Bem no Auge”, que foi ouvida mais de 115 mil vezes. “Esse prêmio nos deixa feliz por ser os primeiros resultado de um trabalho feito com carinho. Mostra que nosso som está encontrando as pessoas certas”,

Ciro Gomes

A palestra completa de Ciro Gomes em Feira de Santana

O presidenciável, ex-ministro dos governos Itamar Franco, Lula e Dilma, um dos criadores do Plano Real e ex-Governador do Ceará, Ciro Gomes, esteve em Feira de Santana no dia 1 de novembro, palestrando na Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Na oportunidade, respondeu a perguntas de alunos e professores da Universidade. Veja o evento na íntegra:  

Homicídios em Feira de Santana

Homicídios mais que dobraram em 20 anos em Feira

No dia 05 de julho de 1997 o extinto jornal Feira Hoje, diário que circulava aqui na Feira de Santana, divulgou um balanço da violência no primeiro semestre daquele ano. Comparando com o ano anterior, houve elevação: foram 77 homicídios e três latrocínios na primeira metade do ano; em 1996, os números foram mais favoráveis: 67 homicídios e quatro latrocínios. Na soma, 80 mortes violentas no primeiro semestre de 1997 e 71 no mesmo período do ano anterior. O levantamento também informava sobre as mortes em supostos confrontos com a polícia: foram 29 em 1996 e, no ano seguinte, o

De arrepiar! O novo clipe da banda feirense Calafrio

A banda feirense Calafrio acaba de lançar seu novo clipe, “A mão Pesada do Destino”, uma produção cinematográfica de primeiríssima qualidade, que pode ser comparada a clipes produzidos para o mercado nacional – mesmo sendo uma produção independente.

A Calafrio é uma banda com 11 anos de estrada e três discos lançados (“Ácido Céu”, “Para Ambos os Lábios” e “Bater de Frente”). Após algumas mudanças em sua composição hoje conta com Pedro Patrocínio (Guitarra e Vocal), Siddhartha Gautama (Vocal e Guitarra), Robson Sousa (Bateria) e Bruno Mendes (Baixo).

O clipe foi gravado em um dos mais tradicionais redutos da boemia feirense, o Bar Jeca Total. De acordo com Siddhartha Gautama, um dos autores do roteiro do videoclipe, a escolha do Jeca como cenário não era a ideia inicial, que tinha um conceito mais clássico, mas o Jeca acabou surgindo como possibilidade para um cenário mais informal.

Além disso, a presença de personagens relevantes para a cultura feirense (como Joilson Santos, Jorge e Aloma Galeano, Rogério Ferrer, entre outros), faz parte de uma tentativa de valorizar a cena local.

Segundo Eduardo Quintela, diretor do clipe e sócio da produtora Live Filmes, responsável pelo projeto, a escolha pela gravação em plano contínuo (sem interrupção na gravação, em uma única câmera) ocorreu principalmente para valorizar a expressão corporal dos dançarinos. “Além disso, as pessoas que participaram da gravação eram convidadas, e não atores. Foi uma forma de filmar sem precisar que ninguém fizesse expressões mais elaboradas nem ficasse algo caricato. É um tipo de produção que tem um charme muito maior em relação ao tradicional”.

Um dos desafios na filmagem do clipe, revela Eduardo, foi a montagem do palco para a banda tocar no final do clipe, já que os músicos aparecem como atores e o espaço do palco é mostrado inicialmente vazio.

Siddhartha, autor da música, fala um pouco sobre a composição: “A música é baseada em fatos reais, pra falar a verdade. Tem trechos que aconteceram de fato. A composição ocorreu num momento em que a banda estava com um movimento consistente depois de muito tempo. Compus muito rápido, foi a primeira do EP ‘Bater de Frente‘”.

Um destaque à parte é o cartaz de divulgação do clipe, ilustrado pelo próprio Siddharta:

"Bater de Frente", banda Calafrio

 

Assista o brilhante clipe de “A mão Pesada do Destino”:

 

Link do Youtube

A banda Calafrio está no Facebook!


Sobre o (a) autor (a):